A história repete-se em ciclos, e o fascínio pelos formatos de reprodução analógica em som e em vídeo encontra nos dias de hoje um novo fôlego, seduzindo as gerações mais recentes em rebelião pacífica mas crescente contra a sobreexposição, a descartabilidade e a ligeireza do digital. Valoriza-se o toque, mergulha-se na definição do som, colecciona-se e estimula-se o calor da proximidade física também a nível visual.

Encontrando-se em plena digressão promocional pelos Estados Unidos daquele que se pode considerar, paradoxalmente, o seu álbum mais electrónico até à data – o que não surpreende, tendo em conta que o disco anterior, They Want My Soul de 2014, dava já mostras de inclinação electrónica em detrimento de uma sonoridade mais orgânica -, os texanos Spoon pegam no imaginário analógico e em todas as suas imperfeições adjacentes, e nele baseiam o novo vídeo para “Hot Thoughts”, o tema título do disco editado no início de Março.

Em palco, atravessando strobes disparados intermitentemente por entre névoas de fumo e imagens que deixam aquele rasto tão típico de uma cassete VHS que já viveu melhores dias, as silhuetas dos membros da banda são captadas analogicamente em palco durante a sua residência no SXSW no vídeo para “Hot Thoughts” que reeincarna o regresso a uma composição visual tipicamente anos 90, década de onde saíram originalmente os Spoon na altura arquitectos de sons abafados em guitarras mais directas, rasgadas e viscerais. Quase irreconhecíveis, right?

Os Spoon irão juntar-se aos The Shins durante a presente digressão e estarão em Portugal no NOS Alive a 8 de Julho.