Fica bem em qualquer bio de banda dizer que se conheceram enquanto trabalhavam numa loja de discos. No caso dos Allah-Las foi na Amoeba Music, um verdadeiro paraíso para os music geeks de L.A. Nos corredores cheios de discos moldou-se a sensibilidade musical de Miles, Pedrum, Spencer e Matt e numa garagem muito pouco cool nasceu o som da banda. Os primeiros concertos pela sua cidade natal são em 2008 e em 2011 lançam-se nas edições com o 7 polegadas “Catamaran / Long Journey”. O álbum, que sai dois anos mais tarde, traz o reconhecimento do público e da imprensa especializada e leva-os a correr os Estados Unidos de lés a lés e a saltarem fronteiras.

Agora de regresso, abriram o Verão com “501-415/No Werewolf”, que já se encontra esgotado e temos agora para mostra “Buffalo Nickel”, o segundo single para Worship The Sun, segundo álbum de originais para os Allah-Las. Um upgrade de sol west coast em camadas folk polvilhadas de noites psicadélicas a discutir poetas beatnick com uma babe com alto bronze retirada de um postal ilustrado de Sunset Strip nos seus tempos de glória ao som dos discos de Love ou Dylan.

alec peterson sig