«Asylums are like Blur if they’d grown up in Seattle and signed to Sub Pop»

Quando uma banda chega apresentada desta forma e por Dave Rowntree, o baterista dos próprios Blur e DJ da XFM, não há como olhar para o lado. Wet Dream Fanzine é o EP de estreia dos Asylums, banda de Southend-on-Sea na costa leste das ilhas britânicas, e chega-nos às mãos pela Cool Thing Records (Olá Sonic Youth?), editora fundada pelos quatro rapazes mais fieis ao DIY das terras do brit-pop. Nada de editoras, nada de redes sociais até há pouco tempo atrás e muitos muitos muitos e mais que muitos palcos fizeram crescer a banda à moda antiga. Agora que já têm a atenção do mundo começam as edições.

O EP sai a 23 de Fevereiro e conta apenas com os três temas que podem ouvir em baixo. “The Death Of Television”, “I’ve Seen Your Face In A Music Magazine” e a música que dá nome ao disco, “Wet Dream Fanzine”, um ataque de moto-serra na mão e pedais fuzz nos pés, a fazer lembrar e de que maneira (tão boa) os Mudhoney ou os Nirvana e as bandas grunge de guitarras mais agressivas e noise.

Entrem na Asylums Luniversity e aprendam uma coisa ou duas sobre o regresso dos filhos do grunge!

alec peterson sig

 

 

 

 

Asylums WDF