John Barrett regressa com o seu segundo longa-duração para a Innovative Leisure sob o nome de Bass Drum Of Death em Outubro. Rip This é o disco mais impressionante até agora na carreira de John, elevando o seu projecto ao patamar de banda incontornável, original e uma das mais entusiasmantes na cena garage rock americana. Minto! Da cena rock… period!

Nos anteriores registos dos BDoD, GB City (Inflated Records, 2011) e Bass Drum Of Death (Innovative Leisure, 2013), Barrett escreveu todo o material sozinho em casa, gravando depois no GarageBand; ou seja, tudo produto mais que caseiro. Desta vez chamou Len Clark para a bateria e Jacob Portrait, baixista dos Unknown Mortal Orchestra, para vestir a farda de produtor deste terceiro disco, e ao longo de duas semanas o trio deu à luz o primeiro verdadeiro disco de estúdio de BDoD. O impacto de uma equipa criativa expandida e altamente energética deixaram marcas óbvias no som presente em Rip This.

A faixa de abertura, “Electric”, chama a si os fantasmas de Jay Reatard, enquanto temas como “Left For Dead” ou “For Blood” tanto apelam a uns DFA1979 como ao despertensiosismo don’t give a fuck de Ty Segall, com a diferença que Barrett se recriou a si e ao seu DIY com um som mais pesado, cheio e profundo.

Dificilmente vamos ter muitos “discos that rock” assim tanto este ano… um marco!!!

alec peterson sig