Depois de assinarem o Volume 8 da colectânea de singles Other Voices com os temas “Constant Flux” no lado A e “Pirâmide” no lado B lançada em 2016 pela Ghost Box, os lisboetas Beautify Junkyards preparam-se para lançar o seu terceiro registo de longa-duração e o primeiro com o selo da editora inglesa. Por agora, já se pode viajar dos prados verdejantes do Reino Unido até ao calor lisboeta com “Aquarius”, o single de apresentação para o novo álbum.

Com tanto de misterioso como de atmosférico, denotam-se na sonoridade de “Aquarius” influências de acid folk que se unem a um universo rítmico verdadeiramente rico e hipnotizante que lembra o movimento musical brasileiro que ficou conhecido como tropicalia. Nota-se ainda que a electrónica assumiu também um papel mais predominante na composição do conjunto. O som da banda expande-se ainda mais com a adição de Helena Espvall (ex-Espers), que traz consigo texturas acústicas de guitarra e violoncelo, enriquecendo ainda mais as suas composições.

O álbum Invisible World dos Beautify Junkyards tem lançamento marcado para o dia 9 de março e celebra a união à Ghost Box, uma editora cuja estética prima por uma dimensão ficcional sem espaços definidos, originando componentes musicais e visuais de referência multi-temporal e com uma origem estilística única associados à folk, electrónica e world music. O artwork do álbum está a cargo de Julian House , juntando-se também a componente visual da Ghost Box à equação.