Estávamos em abril, e Beth Ditto assinava os primeiros acordes da sua nova vida enquanto artista a solo, dando assim os primeiros passos fora dos Gossip, a sua ex-banda que lhe deu os maiores palcos e a tornou num símbolo com entrada directa para o clube restrito das divas de voz portentosa e presença marcante.

O EP que lançou em nome próprio em 2011 – simplesmente Beth Ditto EP -, antevia um desígnio inevitável e que se viria a confirmar com “Fire“, a primeira música do seu álbum de estreia que levará o título de Fake Sugar e andará por aí a adoçar artificialmente a vida a quem se atrever já a partir de amanhã, dia 16 de junho.

Ainda antes do lançamento da sua primeira colecção de temas em formato longa-duração, e que leva o selo da Capitol Records, Beth Ditto levou o groove do seu single de avanço aos microfones da estação de rádio KCRW e mostrou a todos, como se fosse necessário, como foi abençoada com uma voz absolutamente inigualável. Um incêndio contido na suavidade de Ditto para terminar – ou começar – o dia que verá o disco debutante da norte-americana sair algures durante a tarde.