E não esperamos nada menos que isso já dentro de 3 dias no NOS Alive. Inflamáveis, incendiários, estrondosos e poderosos tanto em estúdio como em palco, os escocesses Biffy Clyro começam já a agitar a semana e revelam mais um portentoso cartão de visita para Ellipsis, o último disco da banda liderada por Simon Neil que enfeita as prateleiras das lojas já a partir de sexta-feira, apenas 1 dia após passagem pelo Passeio Marítimo de Algés. E dizemos isto de forma literal, já que a banda continua a conseguir essa proeza digna de registo de vender discos físicos, numa altura em que o crescimento do mercado do vinyl ainda se pode considerar como marginal perante as vendas, em exclusivo, de formatos digitais.

A video posted by Biffy Clyro (@biffy_clyro) on

A um mês de encabeçarem o Leeds Festival no seu Reino Unido nativo, o 7º registo de estúdio dos Biffy Clyro mescla uma sonoridade de pendor mais indie com laios de metal, naquilo que podemos denominar de… indie-heavy. Uma fórmula que, até ver, funciona na perfeição e parece captar bastantes fiéis seguidores. Depois de “Wolves Of Winter”, estreada no Zane Lowe e “Medicine”, conhecida nas últimas semanas, “Flammable” passou ontem pela primeira vez na sua história na BBC Radio 1 e vem destapar um pouco mais daquilo que a Ellipsis dos Clyro tem para oferecer.