Carla Bruni, a ex-primeira-dama mais famosa de França, deixou em 1997 uma carreira no mundo da moda para se dedicar em exclusivo à musica, decisão que culminou em Quelqu’un m’a dit – um belíssimo disco meio folk meio chanson française editado seis anos mais tarde -, e nos restantes três registos de estúdio que se lhe seguiram. E nem a chegada ao poder do seu marido Nicolas Sarkozy, com quem casou já depois de este ter sido eleito presidente, lhe amenizou a vontade de gravar. Little French Songs chegava em 2013 e figurava na sua discografia como o seu quarto e último álbum editado até à data.

Agora, já fora do círculo político mediático, Bruni regressa aos discos com uma versão para “Enjoy The Silence” dos Depeche Mode, que se vê aqui despida da sua exuberância synth e da sua entrada directa para as pistas de dança pela voz suave e doce da franco-italiana, ganhando uma configuração mais suave com arranjos orquestrados e um elegante vídeo. “Enjoy The Silence”, do álbum Violator de 1990, surge assim como tema de avanço para French Touch, aquele que será o seu quinto registo de estúdio composto na sua totalidade por covers cantados em inglês e que conta com David Foster no papel de produtor. Será editado a 6 de Outubro via Verve Records/Barclay/Universal Music France.