Sim, há mais uma. Não restam dúvidas que a administração Trump, para além de comprar guerras antigas e pôr o mundo em sobressalto, tem também atiçado as mentes criativas de um sem número de artistas e bandas no âmbito de várias iniciativas, essencialmente de protesto. Exemplo disso foi o projecto 30 Days 30 Songs, no qual participaram, entre outros, os Death Cab For Cutie, os EL VY de Matt Berninger dos The National ou Franz Ferdinand e que visava apresentar uma canção em cada um dos últimos 30 dias antes da ida dos norte-americanos às urnas. Gorado o objectivo de ajudar a impedir a subida ao poder do magnata norte-americano, o projecto abriu espaço para uma nova manifestação de desagrado com o resultado das eleições com Our First 100 Days e outras tantas canções a vulso enquanto manifesto anti-Trump, entre as quais figuram temas de Father John Misty.

Sucedem-se assim, e como seria de esperar, decisões políticas polémicas, uma das quais – o corte de fundos estatais ao Planned Parenthood, uma ONG fundada em 1916 que visa prestar apoio às mulheres que decidam interromper voluntariamente uma gravidez não desejada -, serviu de inspiração para pôr novamente a esfera artística em alerta através do movimento 7-inches for Planned Parenthood.

Depois de St. Vincent ter dado com John Legend e Zach Galifianakis o mote com uma cover de “Lovin’ You” do original de Minnie Riperton de 1975, agora são os Chvrches que lhes seguem as pisadas com “Down Side Of Me”, uma versão ao vivo do tema editado em Every Open Eye de 2015, o último registo de estúdio dos escoceses. Mais sereno e subtil que o original, o tema conta também com um vídeo realizado pela actriz Kristen Stewart que capta de forma especialmente emocional vários detalhes da banda em estúdio no desenrolar da canção.

Os lucros com as vendas da colectânea, a ser editada em momento posterior, reverterão a favor da Planned Parenthood. A lista de contribuições musicais, que integra também nomes como Björk, Bon Iver, Feist, Sharon Van Etten e Sleater-Keany, entre outros, pode ser consultada na página oficial da iniciativa.