Os Cloud Nothings têm vindo progressivamente, e ao longo dos anos, a amaciar o seu som e a conduzi-lo para ambientes menos efusivos onde as guitarras se foram dissipando e mesclando com outros instrumentos, sem nunca deixar esmorecer a vitalidade que sempre lhes foi particularmente característica nas canções. O pop punk cru que lhes inspirou discos como Attack On Memory de 2012 ou Here And Nowhere Else de 2014 dava lugar no início deste ano em Life Without Sound – o último disco dos norte-americanos – a um limar das suas arestas mais agrestes, o que os posicionou automaticamente nas esferas mais alternativas e independentes.

Agora, os rapazes do Cleveland irão participar numa colectânea intitulada Taking It To Heart cujo objectivo é a recolha de fundos para a Heart & Stroke Foundation, uma associação canadiana que tem como missão informar o público sobre problemas cardiovasculares e oferecer sugestões quanto a possíveis tratamentos. Não é de estranhar por isso que “Relief”, o novo tema com o qual irão contribuir para a causa -, marque de certa forma um regresso à sonoridade das primeiras demos dos Cloud Nothings, e faça equilibrar linhas de guitarra suaves, bem longe daquelas bastante mais explosivas que costumam figurar na discografia.

Taking It To Heart será editado a 13 de outubro pela Treeline Recordingds e no alinhamento verá também nomes como Dan Mangan, Matthew Sweet e Spiral Stairs.