Muitas vezes mais vale tomar o caminho mais longo e ir curtindo a paisagem, convivendo e ouvindo as histórias dos nativos. Os escoceses Ded Rabbit assumiram claramente que a premissa correcta seria precisamente essa: vários singles e EP’s editados mas nenhum álbum, e a estrada vai-se abrindo de par em par para o quarteto dos irmãos Eugene (voz e guitara), Fergus (guitarra), Donal (baixo) e Eoin Gaine (bateria).  Se pelas prateleiras de discos (ou pela biblioteca de iTunes) lá de casa se encontram discos de Libertines, de The Kooks, os primeiros discos dos Arctic Monkeys e a discografia dos The Clash e são bíblia de mesinha-de-cabeceira, os Ded Rabbit devem ser descobertos para já e antes de andarem nas bocas do mundo.

Apesar do seu mais recente single “Figurine” que traz no lado B “How To Be Man” e se encontrar ainda em processo de crescimento dado a muito recente edição em Fevereiro passado -, desvendar uma possível aproximação da banda a sons mais habituados ao sotaque americano o percurso ainda curto dos Ded Rabbit (Wash Away foi o primeiro EP e é datado de 2014) foi sempre desenhado entre as notas simples do punk das terras de sua majestade e melodias brincalhonas, leves e sorridentes do indie-pop britânico. Quanto ao novo caminho sonoro dos Ded – ou simplesmente uma experimentação dos rapazes das terras altas da Escócia –. encaminha-se decididamente para o lado de lá do Atlântico e concentra-se em se desenvolver nos pântanos glamorosos do rock n’roll. Indícios de Queen Of The Stone Age, algum do swing dos Stone Temple Pilots, o desmazelo charmoso e nerd dos They Might Be Giants e pontuais aproximações vocais a Billie Joe Armstrong dos Green Day, enriquecem em muito a simplicidade das canções anteriores e desenvolvem a curiosidade no que prepara o futuro para os Ded Rabbit. Por agora, o futuro começa dentro de 3 dias em Lisboa no concerto inicial da mini-tour portuguesa, que foi antecedida por algumas datas na vizinha Espanha. Em Lisboa os escoceses são acompanhados pelos nossos Fly The Sun.

A estrada deles está agora a chegar ao nosso país com uma mini-tour que passa pelo Musicbox em Lisboa, o Toca em Braga, o Plano B no Porto e o Espaço A em Freamunde. Os concertos acontecem entre 15 e 18 de Março e os Ded passam ainda pela Fnac de Santa Catarina para um showcase acústico no mesmo dia do concerto da Invicta. Fica o vídeo para “Figurine” e o single de 2016, e o nosso favorito, Only Dating.