2018 tem-se revelado um ano de sonho para quem esperava há muito por novidades no campo dos Eels. Para além de um novo álbum que se encontra neste momento a menos de um mês do seu lançamento, os norte-americanos estarão também em digressão por aí, e quem andar por Lisboa no Verão anda também em maré de sorte: Mr. E traz os rapazes à capital portuguesa em Julho para o NOS Alive.

Por agora, e depois do magnificente trip chamber hop de “The Deconstruction” e do soalheiro e radioso “Today Is The Day“, as sílabas poéticas pouco convencionais de Mr.E encontraram de novo o caminho da tristeza, trilhado tantas vezes no cenário lírico dos Eels, e passeiam-se nas dedilhações suaves de guitarra tão nostálgicas quanto sombrias de “Premonition”, o terceiro pedaço de desconstrução sonora dos californianos para o disco número 12 da banda.

The Deconstruction tem lançamento agendado para 6 de Abril pela E Works Records/PIAS e sucede a The Cautionary Tales of Mark Oliver Everett, de 2014. 

Lê tambémHoje ainda não é o dia que nos encontramos contigo, Mr E. Mas “Today Is The Day” que há tema novo