Kjartan Sveinsson foi membro do Sigur Rós entre 1997 e 2012, acabando por deixar a banda para prosseguir outras aventuras. Durante a estadia com a banda, Kjartan sempre se deu a outros projectos colaborando com os The Album Leaf e os Amina e mantendo-se sempre alinhado com a 7ª arte.

The Last Farm é uma das suas partituras originais e foi escrita para a curta-metragem de Rúnar Rúnarsson, Síðasti bærinn. Uma história sobre um casal de idosos numa remota zona da Islândia e a partida de um deles para fora da paisagem que sempre conheceu como sua. A música, um novelo de melancolia comovente e elevatória neo-clássica, desenvolve-se toda ela em torno de um quarteto de cordas.

A banda-sonora nunca tinha sido editada nem disponibilizada para escuta em mais lado algum, a não ser ao longo da película. Jónsi voltou ao trabalho a solo este ano com a nova “Exhale” e lançou o segundo volume da sua colaboração com Carl Michael Von Hausswolf nos Dark Morph.