Se da música dos Arcade Fire e dos The National tivesse nascido um rebento e o parto se tivesse realizado nas mesmas estradas de Bruce Springsteen ou dos The War On Drugs, certamente que teria sido baptizado com o nome de Gang Of Youths.

Da mesma revolução interior da banda de Matt Berninger transformada em canções épicas, passando pela ousadia triunfante de Win e Régine, os australianos não se livram do longo rol de comparações (justas, diga-se) que os assolaram nos momentos imediatamente posteriores à edição, no ano passado, do seu segundo registo de estúdio, Go Farther In Lightness.

Entalado entre uma espécie de Bloc Party, Arcade Fire e The Killers “What Can I Do If the Fire Goes Out”, um dos temas extraídos do álbum, foi na noite passada ao palco do Late Night With Seth Meyers para dizer que os Gang Of Youths podem muito bem dedicar-se a sonoridades mais alternativas mas ninguém lhes tira a pose de rockstars. Para ver em cima.