Ainda antes de “Mallory” ter atirado em Outubro do ano passado os Gengahr de volta às paisagens de um psicadelismo impregnado com a mesma britishicidade que penetra também nos tecidos musicais, por exemplo dos Temples, e que se transfigurou por vezes em indie rock e dreampop em 2015 no álbum de estreia A Dream Outside, os britânicos tinham já revelado um mês antes o primeiro pedaço de música para um novo disco do qual à altura ainda se desconheciam quaisquer detalhes.

“Carrion”, o tema que fazia regressar os Gengahr às novas composições, espraiava-se em tons retro a pender para uma negritude alinhavada por um conjunto de guitarras de horizontes largos e vocais profundamente expressivos e assombrosos, enquanto mostrava uma maturidade em termos sonoros e líricos. Agora, a banda revela o terceiro tema para Where Wilderness Grows, o segundo longa-duração que tem data de lançamento marcada para 9 de Março pela  Transgressive Records.

Submerso em tonalidades mais aconchegadas ao som límpido e cristalino, quase aquático, daqueles riffs de guitarra que revestiram grande parte da música chegada das ilhas britânicas durante grande parte da primeira década do século XXI pela mão do que se convencionou chamar de indie rock, “Before Sunrise” emana uma disposição mais soalheira, mais sorridente e descomprometida que as suas companheiras de alinhamento já reveladas. Sobre o tema, o vocalista Felix Bushe confessa:

Before Sunrise is a song that celebrates the relief and simplicity one can find lost in the night.

Todos os três temas revelados de Where Wilderness Grows para ouvir aqui em baixo.