Lembram-se das duas meninas que há uns anos cresciam contrariadas e punham toda a rebeldia nas suas quiet lullabies? O tom rural, preguiçoso e soalheiro da canções mantém-se numa aura envolta de sonho, com Cleo e Harmony a continuarem a saga da sua revolta acústica e quasi-silenciosa iniciada em Before The World Was Big – considerado por muitos um dos melhores discos de 2015 -, com Powerplant, o segundo trabalho do duo.

Alargando a esfera de sons com a inclusão de uma bateria que força as fronteiras do binómio guitarra e baixo de outrora a pisar um terreno mais colorido e ligeiramente menos sonolento, o folk punk das californias Girlpool concentra-se agora num confiante e inabalável “123”, o primeiro avanço para o novo longa-duração que traz vídeo a acompanhar. Mais dinâmico, a crescer no tempo como elas próprias o fizeram, “123” retém em si os conceitos da procura pela beleza nos mais banais e ínfimos detalhes e os desafios de uma nova relação.

Powerplant é editado a 12 de Maio pela ANTI-.

Powerplant
01. 123
02. Sleepless
03. Corner Store
04. Your Heart
05. Kiss And Burn
06. Fast Dust
07. Powerplant
08. High Rise
09. Soup
10. She Goes By
11. It Gets More Blue
12. Static Somewhere