Tendo em consideração os temas de Painted Ruins – o quinto longa-duração dos Grizzly Bear editado em agosto deste ano – não constituiu surpresa para alma alguma que o primeiro disco dos norte-americanos em cinco anos representaria um dos seus expoentes máximos da sua produção discográfica.

Um dos singles do sucessor de Shields de 2012, “Mourning Sound” seguia um novo rasto de nuances electrónicas e caminhava numa direcção distinta àquela que tinha conduzido no passado os caminhos da banda por paisagens mais folk. O tema foi ontem apresentado ao vivo no Later… With Jools Holland. Para ver em cima.

Lê tambémGrizzly Bear desbravam caminhos digitais e sintéticos com “Mourning Sound”