Outonal, melancólico e sereno, o electro-vintage-minimalista Snow dos australianos Angus & Julia Stone editado hoje faz-se de melodias moldadas pelo tradicional formato canção, entranhadas ora em suaves longitudes de brisas serenas e melífluas – como “Snow” e “Chateau“, ambos singles extraídos do disco que levaram representação visual -, algumas reminescentes até de um passado sonoro mais a pender para as acústicas como “Nothing Else” e que assentava em banjos como “Make It Out Alive”, ora nos nocturnos brilhos citadinos mais borbulhantes, instigados por uma construção electrónica harmoniosa, como em “Cellar Door” ou “Sleep Alone”.

Mais cândido ou etéreo, mais nostálgico ou soalheiro, certo é que este Snow cai suavemente e traz com ele um delicioso mundo de detalhes desvendados apenas com vários movimentos de rotação. Snow é o quarto álbum de Angus & Julia Stone e sucede aos anteriores Angus & Julia Stone de 2014, Down The Way de 2010 e a Book Like This de 2007.