O casamento oficializou-se, o nome mudou e já há álbum previsto para o próximo ano. Depois de vários anos a co-existir lado a lado com os The Strokes enquanto projecto paralelo do vocalista, Julian Casablancas + The Voidz somam de forma permanente o nova-iorquino ao alinhamento da banda, que agora passa a chamar-se simplesmente… The Voidz. A anunciar as novidades, Casablancas lançou um teaser, que podem ver em baixo, que confirma a consolidação do projeto e a sua materialização em registo discográfico.

Modifica-se o nome, mas não algumas parcerias: Warren Fu, responsável pela realização do último vídeo lançado pelos The Strokes, “Threat Of Joy” e do vídeo para “Human Sadness” dos The Voidz, assumiu agora também a direcção do teaser, que revela Alex Carapetis, Beardo, Jake, Amir, Jeffrey Kite, e Julian numa sala de cinema, simultaneamente enquanto espectadores e protagonistas de um filme indigesto intitulado Sly Boots: The Last Blood Rites of the Crystal Mindgoblet.

O enredo foca-se na procura pelo sexto cristal que completa um cálice mágico, uma história que acaba por se entrelaçar com a inclusão definitiva de um sexto membro aos The Voidz, que será Julian. Ao desistir do filme e ainda descrente quanto ao enredo que acabara de assistir, Julian Casablancas passa primeiro por um ritual de iniciação, executado pelos seus companheiros, de forma a tornar-se membro permanente da banda.

Em passagem pela América do Sul durante a Hollywood Bolívar Tour, Julian Casablancas descartou um novo trabalho ao lado dos The Strokes, embora tenha reafirmado estar em estúdio a trabalhar com os The Voidz em novo material. Meses depois, confirma-se o lançamento do sucessor de Tyranny – o primeiro álbum, editado em 2014, em colaboração com os The Voidz.

O novo álbum, ainda sem data de lançamento prevista, será lançado pela Cult Records em parceria com a RCA. “Wink”, tema apresentado pela primeira vez durante a passagem dos The Voidz pelo Brasil, poderá fazer parte daquele que será o segundo longa-duração.