O burburinho virtual estava instalado desde o passado dia 27 de Fevereiro, quando a loja oficial dos Ladytron foi trazida de volta à vida, ao mesmo tempo que as redes sociais da banda ganhavam uma nova estética. Não era de estranhar que algo se estivesse a passar nos bastidores e que haveria novidades muito em breve, apesar dos longos sete anos de ausência discográfica.

Gravity The Seducer saiu em 2011 na mesma altura que a colectânea Best Of 00-10 do quarteto de Liverpool. Daí até agora, o mundo veria apenas as reedições dos discos Witching Hour, Light & Magic e 604 – todas ainda também em 2011 -, com o disco de remisturas do última longa-duração, que data de 2014, a deixar no ar uma possível esperança que os Ladytron ainda existissem.

E existem mesmo. Os Ladytron lançaram uma campanha através da Pledge Music e revelaram já o primeiro single para o futuro novo disco, previsto para edição no final deste ano. “The Animals” cessa assim o silêncio de Daniel Hunt, Reuben Wu, Mira Aroyo e Helen Marnie, que editou no ano passado  Strange Words and Weird Wars, o seu disco a solo.

Os mesmos synths luxuriantes e futuristas, os mesmos coros angelicais, as mesmas vozes dreamy trazem os Ladytron de volta àquele espaço que sempre foi apenas seu, como se nem um dia tivesse passado sobre “Ace Of Hz”, “White Elephant”, “Mirage” e “Ambulances”, os singles de Gravity The Seducer.

O novo tema foi produzido Jim Abbiss, com quem a banda tinha já trabalhado no hino “Destroy Everything You Touch”, bem como no disco de 2015, Witching Hour.

“The Animals” was the first new song we had, and with it we went immediately into the studio with Jim Abbiss. He’s the producer who has really understood us the most.

Podem seguir e patrocinar o disco em troca de uma das várias edições tanto de “The Animals”, como do álbum e de muitos outros goodies que os Ladytron disponibilizam na página da Pledge.