Haverá ainda espaço para mais uma canção de Natal nas vésperas da noite de passagem de ano? Há, pois. E se for uma canção que chegue de uma rua boémia decorada com o mesmo espírito natalício que enfeitava “Fairytale Of New York” – o tema de 1988 que os The Pogues de Shane McGowan dividiam com Kirty McColl no disco If I Should Fall From Grace With God que se tornou num incontornável e improvável hino da época -, ainda melhor.

Os responsáveis por mais um cântico de Natal de contornos pouco adequados são os Marching Church, banda de Elias Bender Rønnenfelt (que também assombra os Iceage) e de quem já não tínhamos novidades desde 2016, altura que passaram por Portugal e editaram Telling It Like It Is.

“Christmas On Earth” é o primeiro tema da banda dinamarquesa desde o lançamento do seu segundo disco de originais, e surgiu nas plataformas digitais no primeiro dia de Dezembro. Agora, a cação ganha vida e cor pela lente criativa de Sky Ferreira – que ameaçou já que finalmente vai dar continuidade a Night Time, My Time de 2013 já num dos primeiros meses de 2018 -, num vídeo filmado em Los Angeles em parceria com a The Fader. O vídeo acompanha Elias pelas ruas de L.A. onde valsa sozinho, cambaleia e tropeça e partilha uma garrafa de vodka com um Pai Natal tão ébrio e só quanto ele, enquanto relata a viagem de um pai que rapta o seu próprio filho na época de Natal.

Contundente, afectado e realista na sua abordagem à solidão, é o resultado da estreia de Ferreira no papel de realizadora depois de durante 2017 ter feito parte do elenco tanto de Twin Peaks de David Lynch como de Baby Driver de Edgar Wright. Os Marching Church lançaram também, como lado B de “Christmas On Earth”, uma gravação de Elias a cantarolar “Silent Night” em karaoke. Pena não haver, por enquanto, imagens desse momento 🙂