A editora francesa InFiné-music, já nossa conhecida por nos apresentar diversos artistas e projectos em expansão, revelaram-nos no passado dia 1 de Agosto mais um desses projectos bonitos e arrebatadores numa altura em qe celebra 10 anos de existência.

Quando um pianista e um músico electrónico se juntam, só podemos esperar um enorme deleite pela parte tanto de músicos como do público. Foi em 2010, num workshop da InFiné, precisamente, em Normandoux, França, que surgiu este belíssimo duo, composto pelo artista mexicano de música electrónica e ambient minimal techno Fernando Corona, mais conhecido por Murcof, e a pianista clássica, já premiada por um Victoire de la Musique – prémio francês equivalente a um Grammy -, Vanessa Wagner. Os dois tocaram ao vivo e conquistaram os corações de todo o público. Seis anos após essa performance, ambos decidiram trabalhar em conjunto num álbum que irá captar a essência dessas aparições ao vivo e que tem data de lançamento marcada para o dia 23 de Setembro. Anotem na agenda!

Statea, ou equilíbrio, em italiano antigo, é a nova pérola que germina da colaboração maravilhosa entre os dois artistas, ambos com formação musical clássica, uma formação que cresceu para dois registos completamente diferentes. Duas almas, dois corações, duas formas distintas de expressão musical que se uniram e que exclui a necessidade das palavras, apenas expressando-se através de música. Este título para o álbum não poderia estar mais adequado, já que estamos a falar da destruição das barreiras dos géneros musicais, neste caso brindando a música clássica com ajustes electrónicos. É esta busca de diferentes formas de sentimentos que torna o mundo da música tão abundante em si mesmo; é este o amor que deve ser louvado por todos nós. Um equilíbrio perfeito entre os dois. E o quão bom é o equilíbrio das coisas. Confessa-nos Vanessa Wagner:

Thats why we like to play it live, there’s some sort of mutual listening and understanding. We feel a lot more free.

O projecto exprime uma verdadeira força mística e melancólica, como se nos absorvesse logo na primeira nota de piano. Nele estão presentes compositores como John Cage, Erik Satie e Arvo Pärt, eles próprios reproduzidos por Vanessa Wagner, que de seguida é acompanhada por Murcof numa espécie de dança onde os dois vagueiam através da sua arte num jogo de emoções com peças de música clássica brilhantes e efeitos de ambient electronic. A primeira faixa deste álbum, “Variations For The Healing Of Arinushka”, pertença de Arvo Pärt e agora de todos nós, esta declara ser o primeiro mote para esta viagem divinal, de mãos dadas com Murcof e Vanessa Wagner.

Tracklist:

1. John Cage – In a Landscape
2. Arvo Pärt – For Alina: Variations for the healing of Arinushka
3. Aphex Twin – Avril 14th
4. Ligeti – Musica Ricercata
5. Morton Feldman – Piano Piece 1952
6. Silvertrov – Earth O Earth
7. Adams – China Gates
8. Erik Satie – Gymnopédie n°3