Christopher Paul Stelling, ou o mestre das seis cordas da guitarra clássica, vem até nós. A sua voz é inconfundível, as suas letras são tão apaixonadas quanto ele próprio, os poemas e confissões embrulhados numa guitarra e numa voz. O folk sentimental, e o grito de Christopher, estarão três dias em Portugal.

O músico tem encantado todas as casinhas por onde passa com os belíssimos temas dos seus três álbuns, Songs of Praise And Scorn de 2012, False Cities de 2013, e ainda do recente trabalho do ano passado Labor Against Waste. O trovador norte-americano já se tornou residente no mote de abertura para o concertos de Ben Harper & The Innocent Criminals. Conseguem imaginar o amor que têm partilhado com os seus fãs.

Pois bem, dia 16 de Setembro às 21h, no centenário espaço de Alfama, Lusitano Clube, esperamos pela voz de Christopher, esperamos pela sua guitarra amargurada pelas dores da vida, esperamos pelo amor. A entrada terá o custo de 10€. O músico vai estar no dia seguinte, dia 17 de Setembro no Festival Para Gente Sentada, em Braga, e ainda dia 18 do mesmo mês no Porto, na célebre sala Passos Manuel.

Christopher Paul Stelling

Christopher Paul Stelling