Quantas foram as vezes que já ouvimos Ty Segall desligar os amps da corrente e sentar-se despido da electricidade das guitarras rápidas e pesadas? Poucas, certo? Então é saborear bem este momento de simplicidade e ternura que o californiano lança para a frente como amostra do próximo disco de originais, o segundo disco homónimo desde a estreia com Ty Segall de 2008, e o primeiro onde Segall avança para estúdio com uma banda completa – Emmett Kelly, Mikal Cronin, Charles Moothart e Ben Boye. Uma assumida procura de estruturação e clareza para as canções e para a realidade constantemente reconstruída de Ty. Tome-se o exemplo da agora revelada “Orange Color Queen”. “Orange Color Queen” é literalmente uma canção de amor. Uma canção de amor com destinatário bem escrito na frente da carta: Denée.

This is a love song for my girlfriend, Denée. I’ve written her many, but I think this is my favorite. I travel around the world for a living and have developed a slight fear of flying. She’s one of the things that makes it better for me to travel. Especially when she is with me. She has orange hair, and is my orange color queen. I rarely write songs like this, because it is so easy to sound disingenuous, but I think this one is pretty good. Thanks for listening.

Ty prepara assim a chegada do seu nono disco de originais – descontando os discos com Cronin, White Fence, Fuzz e todas as outras encarnações e alter-egos -, com uma canção surpreendente e reveladora. Este é o lado suave do animal feroz. Ty Segall sai a 27 de Janeiro pela Drag City Records, um ano depois da loucura creepy se ter instalado com Emotional Mugger.

“You beautiful, lazy, orange-color lady. The morning sun, it wants to know where you go.”

Ty Segall Tracklist:

01. Break A Guitar
02. Freedom
03. Warm Hands (Freedom Returned)
04. Talkin’
05. The Only One
06. Thank You Mr. K
07. Orange Color Queen
08. Papers
09. Take Care (To Comb Your Hair)
10. Untitled

Ty Segall - Ty Segall

Ty Segall – Ty Segall