Na semana em que a Primavera vem beijar o hemisfério norte e o sol faz questão de vir sorrateiramente  banhar o sul da Europa, poucas coisas podiam fazer mais sentido que abrir a colecção das melhores músicas da semana do que uma canção de tez folk e velocidade campestre. Quando chega pela voz e guitarra aquecida por uma frágil fogueira de som de Neil Young na companhia dos Promise Of The Real, a paisagem perfeita está lançada….

…mesmo que depois descambe logo com o emaranhado experimentalista de rock’n’soul’n’jazzy’rageagainstthemachinista de Jack White, a saltitante pop colorida dos The Go! Team, o pedido aos céus dos Dead Combo, a psychedelic possession que King Tuff sofreu por um Dylan em viagem astral e a canção que Elvis Costello escreveu pegando num poema de Johnny Cash e que é uma das músicas mais sublimes que vamos ouvir este ano.

Do lado de lá dos nomes mais imediatamente reconhecíveis e com a fome habitual de conhecer mais e mais música, esta semana os destaques vão para o grrrl grungy riot das Sloppy Jane, o electropsych sonhador de Tess Roby, o tema que marca o regresso aos discos dos Exitmusic, o songhaï blues do maliano Sidi Touré e a velocidade das guitarras dos Pale Kids.

Em tons de lusofonia, e para além dos Dead Combo, temos a electrónica surpreendente do “Canto da Serpente” das Haēma e o sopro quente que chega do Brasil pelo electro-psych de tonalidades pop dos Marrakesh. Tudinho pronto para ser consumido já aqui em baixo.