Dear Lord who blesses us with love | Please send this day thy spirit from above | As this thy son, accepts a call from thee | Help him we pray to learn humility” é o início de In The Hollow Of Thy Hand, um tema interpretado por missionários cristãos norte-americanos, pelo que não poderá ter sido (ou poderá?) aqui que a menina Polly foi buscar o nome para o seu livro. Esse pelo qual teremos de esperar até ao próximo Outono. Mas já sabemos que terá 224 páginas de fotografias, crónicas e poemas e que nasce dessa colaboração com o fotógrafo Seamus Murphy, que data de 2011, quando PJ Harvey o convidou a comissariar os videoclips para as 12 músicas de Let England Shake, o seu último álbum, desde o qual pouco se sabe dela (à excepção de uma versão de “Red Right Hand” que o recém-despedido dos Bad Seeds Mick Harvey compôs para o disco Let Love In de Cave).

Depois de ver A Darkness Visible – Afghanistan, filme realizado por Murphy em 2008, Polly ficou tão impressionada que esta colaboração foi apenas lógica: “Polly é uma escritora que adora imagens e eu um fotógrafo que adora palavras.” É a frase mais repercutida em todos os sites em relação a esta joint venture.

The Hollow Of The Hand, o primeiro livro de poesia por Polly Jean Harvey, nasce depois de terem viajado juntos pelo Kosovo e Afeganistão. E se quiser ouvir um dos poemas que será incluído numa dessas (felizmente) muitas páginas, clique no link abaixo… “The Guest Room”, onde “Um menino canta para um pássaro”…

nuno miguel dias