Vamos subir bem alto! Quem vem? Vamos subir onde o oxigénio é dispensável, onde nada mais conta do que ouvir o canto dos animais que sobem além de tudo que se vê e a condensação é feita entre canções. É a banda-sonora da semana, o eco da semana que começa.

E começa devagar e colorida com sons especiais. Os Glass Animals pintaram África mais uma vez com electrónicas classy, as CocoRosie contaram mais uma história macabra, Son Lux aqueceu-nos a alma até aos ossos, Ólafur Arnalds cantou-nos um destino passado, os Moderat lembram-nos que ser líquido é quase tudo, os The Faint que a realidade precisa de ser jovem e os BRAIDS fazem-nos companhia a contemplar os fragmentos dos Library Tapes.

Quanto a descobertas é uma semana rica como os céus abertos do sul. E é mesmo a sul que começamos com os Barbatuques e a folia corporal brasileira, depois seguimos para Berlim e para Carla dal Forno e para Itália com GIUNGLA, avançamos nos céus grandiosos e pop de Butterfly Boucher e dos The Crab Apples, para a delicadeza sexy dos Prince Innocence e para as sabotagens holandesas dos Storksky. E mais, muito e tanto mais.

About The Author

globetrotter, infografista frustrada, seinfeldo-dependente, apreciadora de aviões, perfeccionista ocd e com vários títulos académicos em factos irrelevantes.

Related Posts