Unpeeled, o álbum acústico dos norte-americanos Cage The Elephant, continua a desabrochar em linhas ténues e suaves versões alternativas e em formato unplugged, várias canções do cancioneiro da banda presente ao longo de quatro registos de estúdio. Foram já reveladas as reinterpretações orgânicas para “Sweetie Little Jean” do registo Tell Me I’m Pretty de 2015 – o último trabalho de estúdio editado dos rapazes do Kentucky até agora -, e “Whole Wide World”, um original dos Wreckless Eric de 1977, a que se segue agora “Rubber Ball”.

“Rubber Ball” fez parte do álbum Thank You, Happy Birthday de 2011, e vê-se rescrita de forma que não se distancia muito da sonoridade da sua gravação original, que já se fabricava com os mesmos tecidos acústicos. Porém, desta vez a sua letra melancólica é enobrecida ao receber o acompanhamento de cordas e um coro como pano de fundo no desenrolar da sua subtil transformação, ganhando um contorno mais emocional num passo ligeiramente mais lento. Por sua vez Matt Shultz, o vocalista dos Cage The Elephant, embala o compasso suave da melodia com toda leveza vocal que a canção merece, com a certeza de quem sabe que esta versão foi feita para parar o tempo de forma a ser apreciada em todas as notas puxadas das cordas das violas.

Lê também: Cage The Elephant regressam aos discos e começam já a descascá-lo com novo vídeo

As faixas que preenchem este belo registro foram retiradas dos álbuns anteriores da banda: Cage the Elephant (2008), Thank You, Happy Birthday (2011), Melophobia (2013) e Tell Me I’m Pretty (2015), podendo ser adquiro em formato digital. O lançamento oficial de Unpeeled está marcado para a próxima sexta-feira, dia 28 de julho, pela RCA Records.