Annie Clark assinou no ano passado MASSEDUCTION, um dos discos referenciais de 2017. O quinto longa-duração a solo enquanto St. Vincent arrumava parte das, até aí, habituais guitarras da norte-americana para ver a songwriter arriscar-se (e a vencer descaradamente) na escrita através dos teclados. Uns mais sintetizados, outros mais orgânicos mas nunca desfigurandost a linhagem de composição de Miss Clark.

Quase meio ano depois – o sucessor do disco homónimo de 2014 saiu a 13 de Novembro pela Loma Vista -, St. Vincent regressou na semana passada a um dos temas de MASSEDUCTION para um sopro de vida nova. “Slow Disco”, penúltima música do álbum, é elevada precisamente àquilo que lhe dá nome: um hino de dancefloor agora a uma velocidade um pouco mais que slow… em formato “Fast Slow Disco”. Mas isso foi na semana passada porque hoje…

…hoje é dia de baralhar e voltar a dar. E depois de dar uma volta a um dos trunfos maiores de uma mão anterior, baralha-se e dá-se novamente e, desta vez, em cima de um dos palcos mais carismáticos e lendários da televisão moderna, o Later… with Jools Holland. Annie levou a nova versão para “Slow Disco” ao programa britânico ontem à noite. Original acelerado em baixo e a versão ao vivo em cima.