Cícero foi crescendo o espaço onde nasce e viaja a sua escrita. Em 2001 lança Canções de Apartamento, em 2013 Sábado era o dia certo para as ouvir, em 2015 levou-as à A Praia e em 2017 encontrou um Albatroz com que as partilhar. Em 2020? Em 2020 leva-as até ao Cosmo.

O músico carioca lança hoje o seu quinto capítulo discográfico, Cosmo, desencantando novamente um punhado de músicas em constante evolução e desenvolvimento lógico de álbum para álbum. O primeiro single do novo disco é “Falso Azul” e chega com vídeo realizado por Guilherme Braz para a produtora lisboeta Grumpy Panda From Outer Space.

A união entre os dois países não se fica por aqui já que o disco foi gravado entre o Brasil e Portugal, contando com a participação de músicos dos dois lados do Atlântico. Beatriz Pessoa e Leonor Arnaut são duas das vozes que denunciam este “Falso Azul”.

Vídeo para ver em baixo e Cosmo para ouvir aqui.

Lê também: Simples e simplesmente Cícero: Ao vivo em Lisboa