Infinity Girl

Harm sai a 28 de agosto e é o primeiro disco na Topshelf Records. Os rapazes de Brooklyn sucedem assim a entrega shoegaze de Stop Being On My Side, a estreia datada de 2012, e aproveitam para revelar um primeiro avanço intitulado “Not Man”.

Com uma estrutura mais solta e airosa a florear a distorção, a nova direcção dos Infinity Girl neste tema parece agora prender-se mais em deixar respirar a melodia e experimentar com outros elementos, como as guitarras circulares e as suaves salvas de teclados sonhadores.

Provenientes de Boston, mas agora sediados na sempre artística e sempre fértil Nova Iorque, os Infinity Girl são um quarteto rock com uma queda para composições atmosféricas e uma tendência para a variedade e experimentação. Tudo isto com uma sub-camada noise que serve de raiz tanto para as entregas mais directas, como para as divagações mais sonhadoras de uma escola pós-punk.

Vale também a pena referir que por cada pré-encomenda (http://www.topshelfrecords.com/products/552218-infinity-girl-harm) feita do novo disco, um dólar estará a ser doado para a Direct Relief Network no Nepal. Cada pré-encomenda incluirá também um pin dos Infinity Girl e um agradecimento especial.

andré valente franco

 
[soundcloud url=”https://api.soundcloud.com/tracks/194613194″ params=”color=dd5135&auto_play=false&hide_related=false&show_comments=true&show_user=true&show_reposts=false” width=”100%” height=”166″ iframe=”true” /]