Pony foi um dos nossos discos essenciais de 2019 e por uma série de boas razões. Não directamente um factor decisivo mas um ponto gigante a favor são os vídeos brilhantes que Orville Peck esconde debaixo da sua mascarilha de drag cowboy. Um verdadeiro perigo público para as meninas e os meninos católicos iludidos pela doçura do som dos sweet 60’s que o músico canadiano emula na perfeição… e nos antípodas do conceito cândido original. Da festa de liceu ao som dos Everly Brothers, Peck facilmente os desvia para um estábulo underground fetichista e pecaminoso.

“Queen Of The Rodeo” vem dar continuidade ao estranho mundo visual de Peck que se vai desenvolvendo num danado universo country, de personagens desviantes, sempre acompanhado por este sentido de passado musical importado para o presente por este herói maldito que Orville é.

Um dia, e se o Universo for justo, Peck e David Lynch irão-se encontrar no Club Silencio em Mullholand Drive para uma versão de “Candy Colored Clown” de Roy Orbinson vestidos de veludo azul. Por agora, vai-se coroando a rainha do rodeo.

O vídeo foi realizado por Austin Peters e a música “Queen of the Rodeo” é introduzida por um excerto de “Roses Are Falling”. Orville Peck passou pelo programa Jimmy Kimmel Live! onde apresentou “Dead of Night”. Ambos os vídeos em baixo.